Segunda-feira, 18 de Abril de 2011

A crise portuguesa nos media internacionais

 

Estava fora do país em trabalho quando o primeiro-ministro anunciou o pedido de resgate ao FMI. Nesse mesmo dia, várias pessoas de diferentes nacionalidades, abordaram-me sobre a situação, mostrando interesse, preocupação, solidariedade.

Na viagem para cá, pensava para comigo, que de facto não há memória de Portugal ter idêntico protagonismo na agenda mediática internacional. A crise portuguesa é o tema de abertura de noticiários e está na primeira página dos mais reputados órgãos de comunicação social do mundo!

Apesar da negatividade do assunto em causa, a questão que se me colocava, era até que ponto esta situação de favorabilidade mediática extremamente negativa, não poderia ser transformada num sentimento positivo para com o nosso país. Quem sabe incentivar o turismo?!

Se considerar o exemplo dos meus colegas estrangeiros que estavam comigo em Estocolmo nesse dia, o sentimento nas suas palavras era até bastante positivo!

Claro que aproveitei para os convidar a visitar o nosso país e ficou a promessa que seria para breve.

Será esta a hora certa para fazer arrancar um plano de comunicação de Portugal para o mundo?

Pois nunca foi tão oportuno!

A oportunidade de capitalizar o protagonismo que Portugal tem tido nos media internacionais num sentimento positivo junto das pessoas, capaz de lhes despertar a vontade para nos visitar, é agora, é hoje, é já!

tags: ,
publicado por uriel oliveira às 14:41
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 11 de Agosto de 2010

Era uma vez na América...

 

Portugal e o investimento nas energias renováveis esteve em grande destaque no The New York Times. (aqui)

Um bom trabalho de comunicação que resultou num artigo de grande relevo, com direito a chamada de primeira página, que vem empolgar o sentido de oportunidade do investimento português nas energias renováveis como forma de reduzir a dependência do país nos combustíveis fósseis e que coloca a favorabilidade do governo português e o primeiro ministro José Sócrates em alta acentuada.

Como não acredito em notícias destas sem trabalho de fundo de RP, é de salientar a inteligência de quem a promoveu, sobretudo se considerarmos a má favorabilidade que os media nacionais têm envolvido todos os assuntos que envolvem o governo e o primeiro ministro José Sócrates. Em comunicação política, por vezes, a inspiração necessária para contrariar tendências negativas tem que vir de fora. Se vier dos USA, tanto melhor.

Apenas um reparo, a imagem dos portugueses na América continua longe de ser a desejável. Reparem aqui na foto de José Cristino, o agricultor que ilustra a notícia...

publicado por uriel oliveira às 13:02
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
partilhar
Terça-feira, 12 de Janeiro de 2010

Um plano para comunicar Portugal

 
Portugal precisa urgentemente de um plano global de comunicação. De todas as notícias veiculadas nos media do mundo com referência a Portugal, a esmagadora maioria está relacionada com futebol. Isto significa que não existe qualquer proactividade para provocar notícias nos meios de comunicação social estrangeiros, de forma a sustentar a reputação do nosso país fora de portas.
Na minha opinião, a estratégia correcta para inverter esta realidade e para “vender” Portugal no mundo, passa pela contratação de especialistas de comunicação locais que desenvolvam acções de relações públicas capazes de despertar regularmente a veiculação de notícias favoráveis nos media.
A melhor forma de projectar a nossa reputação está na criação de momentos de comunicação capazes de despertar os media para veicularem notícias favoráveis, que consigam estabelecer proximidades e interacções com os públicos alvo.
 A activação de um plano de comunicação nestes moldes, não seria assim tão complexo e muito menos muito dispendioso, sobretudo se compararmos com o custo do espaço publicitário que o Turismo de Portugal compra com alguma regularidade, nestes países.
publicado por uriel oliveira às 17:16
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
partilhar
Sexta-feira, 17 de Abril de 2009

Comunicar Portugal

 

 

A Sonae Turismo mostra neste vídeo de apresentação do complexo Troia Resort, como se deve comunicar Portugal para o mundo.
Este é o nosso país, tem todos os ingredientes necessários para ser um dos locais mais apetecíveis e desejados por turistas de todo o mundo. Não é preciso inventar muito, nem ser um grande perito em comunicação, basta abrir os olhos e ver, para comunicar a marca Portugal com base no seu maior e verdadeiro potencial.
publicado por uriel oliveira às 14:06
link do post | comentar | favorito
partilhar

.uriel oliveira


. ver perfil

. seguir perfil

. 10 seguidores

.pesquisar

.posts recentes

. A crise portuguesa nos me...

. Era uma vez na América...

. Um plano para comunicar P...

. Comunicar Portugal

. A energia da costa oeste ...

.arquivos

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.feeds