Quinta-feira, 9 de Abril de 2009

Informação de borla para todos

 
Tenho a sensação que os grandes da comunicação social ainda não perceberam que a crise que estão a atravessar hoje, não se esgota nos factores que determinam a crise em toda a economia mundial, mas sim uma crise que anuncia a ruptura total da concepção actual de media.
 
Rupert Murdoch, dono do Wall Street Journal, alertou os gestores de jornais que vão ter que encontrar formas de cobrar pelo conteúdo online. Pois eu acho exactamente o contrário, ninguém vai estar disponível para pagar por conteúdos e se os gestores dos jornais basearem a sua visão de negócio neste cenário, estarão destinados ao fracasso.
 
O modelo negócio da comunicação social do futuro, terá que assentar necessariamente nas receitas publicitárias que serão canalizadas dos meios tradicionais para os novos meios, e se hoje a publicidade online não consegue cobrir os custos associados à quebra das receitas na publicidade impressa, é porque a publicidade online não se esgota nos formatos que hoje são propostos. Os media tradicionais limitaram-se a adaptar as edições offline para online propondo a venda de espaço nos seus sites e claramente não é isto que os anunciantes pretendem. Online e hoje os anunciantes avaliam directamente e objectivamente o retorno das suas campanhas e isto faz com que ninguém esteja mais disponível para comprar GRP’s completamente às cegas.  Assim, a própria publicidade tem que ser reinventada, colocando o consumidor no centro do processo e deixando de ser pensada para o umbigo dos senhores criativos.
 
A presença das marcas no online será baseada na interactividade e na capacidade de despertarem comportamentos nos consumidores e será neste espaço que os novos media e os novos criativos terão que encontrar o seu posicionamento no mercado.
publicado por uriel oliveira às 12:31
link do post | comentar | favorito
partilhar

.uriel oliveira


. ver perfil

. seguir perfil

. 10 seguidores

.pesquisar

.posts recentes

. ainda o Euro 2012

. Contradição olímpica

. Madonna - Só se for em sa...

. Briosa: Uma marca com gra...

. O Pingo Doce está outra v...

. Um mundo melhor

. O campo na Avenida

. A crise portuguesa nos me...

. Afinal o golf continua a ...

. O poder da sugestão

. Champanhe Mumm com sabor ...

. Comunicar em roupa interi...

. Alerta de crise na Ensite...

. Os ratos da política

. O dia em que um sorriso p...

. O caçador _____ o urso

. O meu iPad

. Alegria

. A máquina dos U2

. Mais leitores por menos d...

.arquivos

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.feeds